Seu navegador não suporta javascript!
Close

Infra S.A. realiza visitas em terminais da Ferrovia Norte-Sul e no Porto do Itaqui

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Infra S.A. realiza visitas em terminais da Ferrovia Norte-Sul e no Porto do Itaqui
borda

11 de novembro de 2022

Estatal realiza estudos para concessões e comercializa áreas localizadas ao longo da ferrovia
Infra S.A. realiza visitas em terminais da Ferrovia Norte-Sul e no Porto do Itaqui

Ao longo desta semana, representantes da Infra S.A. realizaram uma série de visitas técnicas em terminais ferroviários localizados ao longo da Ferrovia Norte Sul (FNS), que passa pelos estados do Maranhão, Tocantins, Mato Grosso e Goiás. Um dos exemplos é o pátio ferroviário de Porto Nacional (TO), que recebe cargas de combustíveis e biocombustíveis com destino ao Porto do Itaqui, no Maranhão.

Uma das infraestruturas visitadas possui capacidade de carregamento de 32 vagões simultâneos em uma área de seis hectares. O terminal foi concedido por mais de R$ 10 milhões de valor de outorga em um leilão realizado em 2016.

Atualmente, a Infra S.A. possui áreas para concessão ao longo da FNS em 14 cidades de quatro estados. O diretor-presidente da empresa, Mateus Szwarcwing, destaca que os investimentos em terminais ferroviários aumentam a eficiência da rede de transportes, o que gera emprego e renda para a população.

“Essa é mais uma das soluções que a Infra S.A. traz para o setor de transportes. Damos continuidade ao programa “Terminais Inteligentes”, que tem o objetivo de conceder dez áreas até o final do próximo ano. Assim, o investimento privado contribui para o desenvolvimento regional e no aumento da integração da nossa infraestrutura”, disse.

Porto do Itaqui – No Maranhão, a equipe da Infra S.A. acompanhou as operações no Porto do Itaqui, destino de parte da carga transportada pela FNS, via conexão com a Estrada de Ferro Carajás (EFC). A empresa desenvolveu estudos que viabilizaram leilões para quatro áreas no complexo portuário e que resultaram em mais de R$594 milhões em investimentos contratados.  

Desenvolvido pela Infra S.A., o Plano Nacional de Logística 2035 mostra que, em um cenário de crescimento médio, a demanda para o complexo portuário pode ter alta de 170% nos próximos 13 anos. A estimativa é de que as principais cargas sejam granéis sólidos agrícolas, minério de ferro e carga geral conteinerizável.


Assessoria de Comunicação Social

imprensa@infrasa.gov.br
+55 (61) 3426-3743