Seu navegador não suporta javascript!
Close

Leilão do primeiro lote de rodovias do Paraná tem deságio de 18,25% na tarifa

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Leilão do primeiro lote de rodovias do Paraná tem deságio de 18,25% na tarifa
borda

25 de agosto de 2023

Projeto estruturado pela Infra S.A. resultará em obras de melhorias e em tarifas de pedágio mais justas
Leilão do primeiro lote de rodovias do Paraná tem deságio de 18,25% na tarifa

Nesta sexta-feira (25), o consórcio Infraestrutura Brasil Holding arrematou em leilão a concessão do primeiro lote das Rodovias Integradas do Paraná e será responsável por investir, pelos próximos 30 anos, R$ 7,9 bilhões em 473 quilômetros de extensão no sistema composto pelas rodovias federais BR-277/373/376/476/PR e estaduais PR-418/423/427, no Paraná. No leilão realizado na Bolsa de Valores de São Paulo (B3), a concessionária apresentou uma oferta de desconto 18,25% na tarifa básica de pedágio. 

A Infra S.A. foi responsável pelos estudos que possibilitaram o leilão da rodovia e que foram feitos de forma inédita, ao unir vias estaduais e federais. Com o modelo proposto pela empresa no edital, cerca de 60 % do valor de investimento será realizado dentro dos primeiros sete anos da concessão. Os valores serão aplicados em obras de expansão de capacidade da via, duplicação de faixas e outras melhorias. O trabalho também prevê outros R$ 5,2 bilhões em custos operacionais e administrativos, como por exemplo: serviços de atendimento médico e mecânico, sistemas de comunicação e conservação do sistema rodoviário.

Entre as principais intervenções previstas está a duplicação do Contorno Norte de Curitiba, que atualmente é um dos principais gargalos de acesso ao Porto de Paranaguá, como também a duplicação da BR-277/PR que é uma das principais vias de escoamento de produtos agrícolas, industriais e de importação/exportação, que liga regiões produtivas do interior do estado ao Porto de Paranaguá.

Durante a cerimônia de batida de martelo, o diretor-presidente da Infra S.A., Jorge Bastos, destacou que o projeto desenvolvido pela empresa é uma referência para as próximas concessões rodoviárias.

“Esse projeto promoverá uma interligação mais eficiente entre importantes cidades e trechos de exportação e importação, elevando as estradas do Paraná entre as melhores do Brasil”, afirmou.

O ministro dos Transportes, Renan Filho, destacou que o projeto da Infra S.A. será o maior grupo de leilões rodoviários em toda a América Latina.

“Isso modernizará muito a infraestrutura do Paraná e servirá de modelo e parâmetro para todo o país”, declarou.

Próximos lotes

A Infra S.A. desenvolveu os estudos para outros cinco lotes de rodovias no Paraná. O segundo deles já tem data marcada para o leilão: no dia 29 de setembro. Os projetos para lotes 3, 4, 5 e 6 estão em fase de análise pelo Tribunal de Contas da União. No total, os seis lotes devem gerar R$ 50 bilhões de investimentos em 3,3 mil quilômetros de rodovias paranaenses.


Assessoria de Comunicação Social

imprensa@infrasa.gov.br
+55 (61) 3426-3743